Pedras e Cristais

Malaquita

ATRIBUTOS

A malaquita é uma pedra poderosa, mas que precisa ser manuseada com cautela.
Evite inalar o pó que se desprende dela. Se usada em elixires de pedras deve ser aplicado apenas externamente ou confeccionado pelo método indireto: coloque a pedra num recipiente de vidro e mergulhe-o em água mineral, de modo que a pedra não toque na água.
A malaquita amplifica tanto as energias negativas quanto as positivas. Ela aterra energias espirituais do planeta. Algumas pessoas acreditam que a malaquita é uma pedra que ainda está em evolução e será uma das mais importantes pedras de cura do novo milênio.

Ela é uma pedra que já se encontra dentre as mais importantes quando o assunto é proteção. Por absorver de forma muito fácil as energias negativas e os poluentes, identificando-os na atmosfera e no corpo físico. Como qualquer outra pedra ou cristal, deve ser limpa antes e depois de usada. Para isso, basta colocá-la sobre um aglomerado de quartzo sob a luz do Sol.
Essa pedra alinha e ativa os chakras e favorece a sintonização com a orientação espiritual. Colocada sobre o terceiro olho*, ela ativa a visualização e a visão psíquica. Sobre o coração, traz equilibrio e harmonia. Também abre o coração para o amor incondicional. Pode ajudar a receber lampejos intuitivos do subconsciente e até mensagens vindas de outros campos existenciais.
Do ponto de vista psicológico, a malaquita é uma pedra de transformação. A vida é vivida de forma mais intensa sob a influência dessa pedra aventuresca, que estimula a coragem de assumir riscos e de empreender mudanças. Ela mostra implacavelmente o que bloqueia o nosso crescimento espiritual. Também traz à tona sentimentos profundos e causas psicossomáticas, rompendo amarras e padrões obsoletos e nos ensinando a assumir a responsabilidade pelas nossas próprias ações, pensamentos e sentimentos.
Do ponto de vista mental, a malaquita atinge o âmago dos problemas, intensificando a intuição e a visão espiritual. Ela ajuda a amenizar distúrbios mentais, incluindo doenças psiquiátricas e dislexia.

Colocada sobre o plexo solar, a malaquita facilita a cura emocional profunda. Ameniza experiências negativas e traumas do passado, trazendo à tona sentimentos reprimidos e restaurando a capacidade de respirar profundamente.
A malaquita pode ser usada para a exploração interior. Ainda nesse ponto, ela equilibra o chakra do coração e do umbigo, propiciando visões reveladoras. Ela estimula sonhos e ativa memórias vividas. Pode ser necessário, no entanto, o uso de outras pedras na terapia e no processo de transformação empreendidos com a malaquita.

CURA

A malaquita é uma pedra extremamente versátil. É particularmente útil no caso de cólicas, incluindo cólicas menstruais e facilita o parto. Ela está em sintonia com os órgãos sexuais femininos e por isso combate qualquer tipo de problema sexual. Essa pedra abaixa a pressão sanguínea, trata asma, artrite, epilepsia, fraturas, articulações inchadas, câncer, mal estar causado por viagens, vertigens, tumores e problemas no nervo óptico, no pâncreas, baço e na paratireóide. A malaquita estimula o fígado a liberar toxinas, reduzindo a acidificação dos tecidos.
Ela também trata o diabete quando usada no pulso.

 

Fonte: A Bíblia dos Cristais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *